Início » Política » Socialismo Revolucionário

Socialismo Revolucionário

Quando era adolescente e parvo tive durante um tempo a mania que era skinhead, tive a sorte de ter pais que me fizeram ver que tudo o que era extremo era mau e a sorte ainda maior de nenhum dos meus amigos alinhar nas minhas  conversas , cresci depressa e só não me envergonho da altura em que andava de cabeça rapada porque tinha 14 ou 15 anos , são experiências , erros e aprendizagens que se fazem e que devem ser assumidas e avaliadas , não devem ser escondidas. Acho que é mais de louvar quem muda de ideias ao longo da vida porque conhece novos factos e informação do que quem fica de pedra e cal  numa plataforma qualquer , imune à mudança. Quando penso nesses tempos imagino o que poderia ter sido se em vez de viver em Alcobaça nos anos 80 vivesse por exemplo em Almada e tivesse calhado num grupo de amigos com  inclinações para o radicalismo.

Em 1989 , já depois de me ter passado a febre dos suspensórios, botas da tropa e ideias de merda, Portugal em geral ficou a saber que cá também havia skinheads mas não eram os únicos extremistas , tínhamos também uma entidade política, legal , chamada Partido Socialista Revolucionário. Ficámos a saber isto porque um dos seus dirigentes foi assassinado por um skinhead no Bairro Alto. Dois anos depois do incidente o PSR teve a sua votação mais alta de sempre , dizem alguns que aproveitando a onda de simpatia e a exposição mediática , em que conseguiu quase 65000 votos. Foi este o auge do PSR , nem enchiam o estádio da Luz mas não obstante essa marginalidade ridícula  nunca mais deixámos de os ouvir.

Se bem estão lembrados em 1989 além do assassínio do dirigente do PSR aconteceu outra coisa importante : caiu o Muro de Berlim trazendo o veredicto sobre o Socialismo Real : falhou em toda a linha , criou miséria e opressão , as pessoas recusaram-no e fizeram-no cair assim que conseguiram. Quanto mais aprendi sobre Comunismo mais espécie me fazia esta história de Portugal banir movimentos políticos de extrema direita enquanto permitia movimentos políticos de extrema esquerda , ainda hoje não vi isto explicado convincentemente em lado nenhum. Porque não banir todos os extremismos , a menos que acreditemos que o de direita é pernici0so mas o de esquerda não? Ou melhor , porque não permitir tudo ? Banir ideias , por piores que sejam , é sempre mau , porque as ideias más têm esta característica: podem sempre ser expostas , desmontadas e derrotadas com argumentos racionais e toda a gente deve ter liberdade de expor e divulgar as suas ideias. O que se pode  banir são comportamentos , ideias não.

Em 2008 Francisco Louçã , economista que passou a vida a estudar o Marxismo e o socialismo sem lhes encontrar falhas , o que é  notável , dissolveu o PSR  para dar lugar ao Bloco de Esquerda, parte desta refundação terá tido origem na constatação de que enquanto nos viessem falar em  revoluções nunca mais enchiam um estádio quanto mais eleger um deputado. Havia que controlar os mais malucos e dar um ar moderno e respeitável à coisa .

Avançando para 2017 , vejo que o Socialismo Revolucionário ainda existe , acreditam e defendem as mesmas coisas que em 89 ( e 79, e 69…) mas agora com muito melhores condições de vida e mais meios ao dispor. Não se sabe quantos são mas sabe-se que nestas coisas às vezes meia dúzia consegue fazer mais barulho que  seis centenas ,  ficámos a saber que ainda existem porque houve polémica na Universidade Nova. Um grupo de estudantes de direita quis organizar uma conferência e convidou Jaime Nogueira Pinto . Perante esta ameaça os estudantes Socialistas Revolucionários escreveram um texto que não abona muito pelo domínio que têm da língua,  a avisar que era inadmissível, ia haver confusão se a conferência fosse para a frente. Estes rapazes incomodam-se se ouvirem alguém a fazer a apologia do Estado Novo (acho que o J.N.Pinto é capaz disso) mas a defesa do Estalinismo já não os apoquenta e se for preciso aplaudem  quando o PCP por exemplo se nega a reconhecer o Holodomor , o que  supera a minha capacidade de entendimento. Encontram-se pela net dezenas de páginas devotadas à negação do Holodomor, é um facto que podemos ter uma pilha de obras de historiadores credíveis sobre um assunto mas um website de um fanático chega para deixar muita gente com dúvidas, é o mesmo com o Holocausto, o 11 de Setembro, seja o que for.

Isto não pode surpreender ninguém que preste atenção aos  comunistas , que por definição defendem o Socialismo Científico do Marx e acreditam que, por lhe chamarem científico , é mesmo assim e o resto são fascistas,  contra informação, manipulação pelos judeus , são os estertores do capitalismo. Não há discussão nem cedência possível , do outro lado estão só iludidos ou corruptos , o encorajamento que mais gosto de receber  é “abre os olhos!!” especialmente quando vem de uma pessoa que leu dois  livros,  viu um documentário e passou a alimentar-se de sabedoria condensada pelo facebook.

Perante a ameaça dos jovens revolucionários  o director da faculdade mostrou-se desprovido de espinha dorsal e  cancelou  a conferência, não fosse alguém agastar-se. O porta voz destes socialistas  que não gostam de ver expor e debater ideias opostas chama-se Gonçalo Romero, tem 29 anos e ao defender o cancelamento na televisão referiu-se ao Estado Novo como “um dos regimes mais brutais do século XX”. Isto significa que desconhece o que é um regime  e desconhece grande parte da história do século XX ,  só isso deveria ser suficiente para o desqualificar de fazer comentários públicos sobre o tema.Tem que haver alguma razão para com 29 anos ainda andar na faculdade, ou uma vida de trabalho que só agora lhe permitiu ir estudar para a universidade  ou muita política e pouco trabalho, vou pela segunda.

É bom não perder de vista estes rapazes e raparigas que hoje andam pelas faculdades a cancelar conferências e a promover outras (será que uma conferência sobre a Venezuela moderna passava na FCSH?Em princípio devia-lhes interessar, discutir a praxis do socialismo revolucionário e seus resultados)  cheios de clichés e lutas  do século passado , T shirts do Che e  o manancial de ideologias  em forma de meme que hoje todos podem encontrar online e assim passar a vida toda só a bater de um lado, sempre a reforçar as próprias crenças e preconceitos, sempre e só a debater com correligionários , porque os adversários combatem-se, não se percebem nem aceitam nem ouvem .Estes rapazes e raparigas que hoje fazem estas figuras amanhã estão em secretarias de Estado e ministérios .

E perguntam-me : entre os socialistas revolucionários e os neoliberais corruptos preferes os neoliberais?As opções não serão só essas , mas o que eu prefiro nas pessoas que me governam , já que alguém tem que o fazer , é isto:

  • Defesa da liberdade de expressão para todos.
  • Aceitação de factos históricos comprovados.
  • Disponibilidade para mudar de opinião se confrontados com informação nova .
  • Compreensão  de que uma utopia não é base para um sistema de governo
  • Compreensão de que muitas vezes se passam coisas de que não gostamos , e isso não tem remédio .
  • Demonstração de que as teorias e modelos defendidos já deram resultados positivos nalgum sítio real.
  • Aceitação de que não temos o monopólio das boas ideias e da definição de interesse comum.
  • Consciência de que a economia determina tudo ,  que o dinheiro não se inventa e que as pessoas devem ser livres para  escolher, fazer, comprar , vender , ir e vir .

Se observarem isto podem chamar-se o que quiserem , podem andar na universidade até aos 40 , podem nunca ter tido um emprego na vida , podem adoptar o visual que quiserem e até podem pontapear a gramática que não me incomoda muito. Não sei se muitos membros do anterior governo , ou do actual , cumprem estes requisitos , sei é que nenhum “socialista revolucionário” os cumpre e é por isso que eu quero muita distância entre eles e qualquer centro de poder acima de Junta de Freguesia.

Anúncios

Responder

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s