Início » Açores » Eleições

Eleições

Daqui a pouco  há eleições regionais , não sei  que é que dizem as sondagens mas é possível que o governo regional continue a ser do PS. Há campanha eleitoral , ontem vi meia dúzia de pessoas com umas bandeiras do PSD e há um cartaz do mesmo partido e seu presidente , com este slogan entusiasmante ,  mensagem clara de capacidade política , rumo e ideias fortes para as ilhas : “Autonomia Feliz” , e no rodapé o corolário “Açores para todos”.

Na caixa do correio tinha um panfleto do mesmo partido a enumerar  umas vinte propostas e medidas a realizar caso sejam eleitos. Tudo coisas boas que não estão a ser feitas ,  é pena é que não digam de onde virá  o dinheiro para elas , ou seja, se se deixam de fazer outras  coisas para fazer essas ou de onde é que vem a receita extra para estas medidas. No PS não é muito diferente, ainda não vi folhetos mas aposto que não explicam o financiamento das promessas nem ninguém espera que as pessoas guardem o manifesto eleitoral para referência futura. Eu por exemplo guardei o programa eleitoral do Syriza e mesmo agora o fui rever, só por inspiração.

Não estou encantado com o governo PS mas o PSD, a avaliar pelo discurso de campanha , não me oferece garantias, é um programa onde só se fala de Estado, aumentar o Estado , imiscuir o Estado , intervir  . Tenho consciência plena de que num arquipélago disperso e pequeno como o nosso o Estado tem que ter forçosamente um peso maior do que o que seria desejável para que as coisas funcionem , dou o exemplo dos transportes aéreos entre as ilhas pequenas , mas mesmo assim a tendência devia ser para reduzir este peso onde ele não é tão necessário (por exemplo nos subsídios quase  indiscriminados que distorcem o mercado) para o poder aumentar onde é mais necessário , como na Saúde . Nem PSD nem PS falam disso, para estes dois as contas fazem-se sobre os cheques  de Bruxelas e a maneira de estimular a economia não é reduzir taxas , obrigações e  barreiras , é inventar empregos e subsidiar empresas. São opções , quando as minhas não correspondem às da maioria , resta-me encolher os ombros , vou votar no PURP , que é o Partido Unido dos Reformados e Pensionistas . Não sou reformado nem pensionista , o partido vai ter meia dúzia de votos e  o meu  é , como de costume menos nas autárquicas , irrelevante. Voto no PURP  porque ouvi ontem na rádio o senhor deste partido a defender , muito articuladamente e convincentemente , a introdução de uniformes escolares . Esta é uma das minhas ideias favoritas , já expliquei neste post de 1012  as razões pelas quais acho os uniformes obrigatórios nas escolas uma ideia óptima que teria resultados visíveis e positivos a muitos níveis.Ou então voto no partido dos animais, tenho que ouvir o representante local , se não for muito alucinado tipo veganista radical sou capaz de votar nele.

Para mais uma noção sobre a política regional e seus obrigatórios cruzamentos com a nacional , atente-se nisto : em 574 candidatos há 150 que não vivem nos Açores. Temos um sistema que não só permite como diz ser aceitável que pessoas que não vivem nos Açores sejam candidatos a deputados na Assembleia Regional.  Em caso de serem eleitos cá estará a SATA de todos nós para os levar para trás e para a frente a pedido , e podem dar entrevistas interessantíssimas sobre como é dividir a sua vida entre a capital e as ilhas. É sabido que não há como ter a vida dispersa para fazer um trabalho bem feito.

Anúncios

Responder

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s