Início » politica » Tempos Interessantes

Tempos Interessantes

Ouvi mesmo agora mais uma candidata a presidente , a do BE , a dizer que a direita está nervosa , desesperada . A última vez que tinha ouvido isto foi em Janeiro , quando o Tsipras ganhou as eleições pela primeira vez na Grécia .  Se bem estão lembrados , Catarina Martins , o Público e outros apressaram-se  a anunciar o fim da austeridade e a falar-nos do medo todo que “a direita” sentia , presumivelmente porque  as pessoas de direita gostam de injustiças e porque eles iam  finalmente acabar com elas . Na Grécia o fim da austeridade correu como sabemos mas apesar disso  pouca gente à esquerda ainda compreende e aceita que austeridade não é uma opção ideológica nem uma coisa que se aplica com gosto , é uma  questão de aritmética  , de acreditar que é preciso gastar tendencialmente menos do que se ganha ou pelo menos o mesmo , e que para redistribuir riqueza há que criá-la primeiro.  Isto , à partida tão simples , não entra de maneira nenhuma na cabeça de muita gente .

Acho bem que os partidos de esquerda tenham suspendido questões em que divergem , tipo a pertença ao Euro , para se focarem sobre aquilo em que concordam , devia ser sempre assim . Ainda não há acordo para o governo mas já há compromissos . São 51 pontos , a maior parte deles boas notícias , o problemazito de somenos é que são quase todos pontos em que o Estado vai aumentar a despesa ,  medidas que custam dinheiro. Ora neste caso ou aplicamos a perspectiva Soares , “o dinheiro aparece sempre” ,  a perspectiva Sócrates , “quem vier atrás que se amanhe” ou ainda a perspectiva comunista , “os ricos que paguem a crise“. As duas primeiras dispensam comentário ,  o problema com a terceira é que os ricos só pagam se quiserem , porque se há coisa que os ricos são bons a fazer é a fugir aos impostos como tem sido provado à saciedade .  Para mim o problema não é o mérito ou demérito das medidas  (tirando a manutenção dos transportes nas mãos dos sindicatos, essa é claramente uma desgraça )  , é o custo delas  . Há uma que  me agrada imenso , é a retirada da taxa da RDP  da factura da electricidade , uma coisa que me enerva deveras porque não tenho televisão mas tenho que pagar a taxa. Ora o enunciado da medida diz :

  • Retirar da fatura da energia elétrica a Contribuição do Audiovisual e incorporá-la no universo das comunicações sem perda de receita para a RTP.  

Se alguém me explicasse o que é que  quer dizer incorporar a taxa no universo das comunicações eu agradecia , porque não conheço esse universo nem sei como é que se incorporam lá taxas. O que sei é que , como em tudo , deixar de pagar num lado para ir pagar no outro não adianta nada.

Aqui há uns anos , e lamento não ter o link , li e acredito  que se se confiscassem as 100 maiores fortunas de Portugal não chegava para pagar o passivo do Metro e da Carris. É claro que nenhuma empresa tem que ter passivo zero , mas é bom para termos uma ideia de até onde nos pode levar esta solução comunista do Robin dos Bosques , dos ricos a pagar a crise. Não há em Portugal ricos suficientes nem suficientemente ricos para que confiscar ( nem digo taxar rendimentos a 90% , confiscar tudo mesmo)  a sua fortuna fizesse mossa na nossa dívida e no défice. E depois de se gastar esse não restando  mais nada para confiscar ou ultra-taxar , a seguir  vem de onde? A um comunista isto não incomoda porque  atingir a igualdade nivelando tudo por baixo serve perfeitamente .

Mas considerações deste género não colhem . Uma das coisas  mais espantosas nesta  caldeirada que o Costa anda a cozinhar é que não está previsto o Bloco nem o PC fazerem parte do governo. Acho que não é só a mim que isto me parece baixo , porque são partidos que berram que querem e podem fazer diferente no governo mas quando chega a altura , quando aparece a possibilidade clara de poderem ter mão directa na governação  do país, escolhem ficar-se pelo apoio parlamentar , nas coisas em que acharem adequado e quando acharem adequado. Brilhante, recolher  crédito pela  “mudança” enquanto as coisas correrem bem e poder crucificar o governo à vontade quando a mudança encravar e a realidade fizer o que costuma fazer, que é manifestar-se . Eles nem estavam no governo….a maneira como o PCP em particular tem manobrado o Costa é  um tratado de Política , são muitos anos a virar frangos , tem-me dado  gosto ver um operário com  a quarta classe a meter o dr. Costa no bolso e pelo caminho ensinar umas coisas à nossa Pasionaria de trazer por casa, a original ficou conhecida por um emotivo No pasarán! que ficou para a História , não obstante terem mesmo acabado por passar  .Devia haver nisto uma lição qualquer para os revolucionários mas a teatralidade e as abstracções utópicas sempre foram mais  queridas deste pessoal que a realidade fria.

Longe de mim achar que , tendo os votos dos eleitores e a maioria no Parlamento , alguma coisa deve impedir a esquerda de governar. O que me preocupa , além de medidas que vão deitar a perder grande parte do esforço feito desde que o PS se viu obrigado a chamar a Troika por ter deixado acabar o guito , é que não vislumbro de maneira nenhuma como é que este governo minoritário  vai conseguir reformar alguma coisinha e manter as contas em dia , quando  começam logo por apresentar 50 medidas para aumentar a despesa  acho que estamos conversados.

Voltando à candidata Marisa Matias , que fala como se não estivesse plenamente consciente de que as suas possibilidades de ser eleita andam muito perto do zero e como se a sua candidatura fosse mais do que uma requisição de tempo de antena . Vai andar pela comunicação social até às eleições , a passar a sua mensagem , e se por acaso o Marcelo perder  ela será uma grande vencedora . Clássico.

Não partilho da visão de muita gente à direita que chama a estes contorcionismos e obfuscações do Costa , tentando salvar a pele tornando-se PM , “golpe de estado” ou “assalto ao poder” , porque o que é certo é que , com o nosso sistema eleitoral e constituição  tal como estão , este governo que se prepara é perfeitamente legítimo. O que não invalida que vá ser um desastre.

antonio-costa-acordo

PS : Já saí do hospital e tudo regressa à normalidade, agradecido pela preocupação e os votos de melhoras!

Anúncios

Responder

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s