Tivemos que parar ao pé de Ayamonte por razões técnicas , coisas partidas , o tempo não está de feição nem vai estar e antecipo mil e seiscentas milhas penosas até à Croácia. Esperar o pior , serve sempre melhor.

Estive a falar com o meu vizinho e melhor amigo  , deu-me notícias do resto da vizinhança que me deviam deixar contente mas não , não elaboremos , não vale a pena , nada vale nem valeu a pena mas uma coisa é  ter consciência disso e outra muito diferente é tomar as atitudes e disposições certas. Quem me dera ser daqueles para quem tudo passa como a brisa.

 Não me falou do meu cão e eu não perguntei , se houvesse algo de mau não servia de nada dizer-me ,  ainda no outro dia sonhei com ele , que o tinha perdido , acordei angustiado . As ovelhas estão a dar dez vezes mais trabalho do que esperado , detesto quando outros têm que passar trabalhos pelas minhas manias , a maior parte das minhas ideias , em última análise , é  uma merda , se eu tivesse crescido em vez de armar fantasias poupava-me a muitas chatices e  desgostos .  Devia ir até à tasca mais próxima , sentar-me bem sentadinho e mandar vir até se acabarem os problemas mas amanhã pelo nascer do sol temos trabalhos complexos para fazer com o mastro e a vela grande, se quero apanhar a aberta para passar o Estreito de Gibraltar antes de Domingo. Estou cansado , sobretudo cansado de mim , e muitas vezes tenho a noção clara de que não faço ideia do que é que ando aqui a fazer.

Anúncios

2 thoughts on “

Responder

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s