Início » Religião » Liberdade e Religião

Liberdade e Religião

Um dos blogs que leio é O Insurgente , no que toca à economia e ao Estado e seu papel sou seguidor deles e da chamada Escola Austríaca , as interpretações e teorias de economistas como Mises e Hayek convenceram-me assim que as li ( admitidamente na diagonal ou em resumos e artigos ) , e sempre fui atraído pelo liberalismo clássico , o Adam Smith , esse sim , li todo, ou melhor li “A Riqueza das Nações” . E naturalmente quando encontro uma crítica sólida e forte ao Socialismo , presto atenção e aprendo.

O pior é quando o assunto a ser tratado toca a religião , por que ao que percebo a maior parte dos “insurgentes” é religiosa . Claro que isto em sim não é obstáculo , desvantagem nem inconveniente nenhum , mas às vezes , como na discussão do aborto ou dos direitos dos homossexuais , leio ali coisas que para mim são inconcebíveis e difíceis de conciliar com uma visão do mundo em que os direitos do Indivíduo têm a primazia.

Nestes dias de frenesim comentador dos atentados um dos mais importantes colunistas do Insurgente , André Abrantes Amaral  , escreveu lá , no meio da sua opinião : creio que a religião é essencial para a liberdade. Ele  é uma cabeça , professor catedrático que escreve com autoridade sobre várias coisas , ali e em jornais , e sempre que o lia fazia sentido para mim. …até ontem.

Disse na caixa de comentários que gostaria muito que o autor elaborasse um pouco sobre a frase ou me indicasse onde me podiam elucidar , porque largar uma bomba dessas e depois ir-se embora é muito fraquinho . Ignorou-me , e a todos os outros que contestaram a expressão , eu compreendo , é uma pessoa ocupada que não tem tempo para escrever duas linhas ou mandar um link a toda a gente que questiona uma sua afirmação pública tão controversa. Não estava a ser irónico , apreciava mesmo que uma pessoa ( como ele) com muito mais bagagem teórica e argumentativa do que eu me explicasse como é que a religião é condição para a liberdade , porque não me parece tarefa fácil. Apareceu outro insurgente nesses comentários a largar outra de calibre parecido : o ateísmo é uma religião. Também não perdeu muito tempo lá a defender a sua afirmação depois de muita gente ter dito coisas boas como “dizer que o ateísmo é uma religião é como dizer que careca é uma cor de cabelo” .

Acho normal que uma pessoa se sinta  livre mesmo que sujeita por imposição paternal ,  social , ou por escolha própria a um conjunto de regras , dogmas , rituais e interpretações do Mundo geradas a partir de um livro escrito há milhares de anos e suas subsequentes interpretações ao longo dos séculos. Uma pessoa pode seguir os 10 mandamentos , ou qualquer outro conjunto de prescrições religiosas , em perfeita liberdade .

Agora dizer que uma pessoa não pode ser livre se não adoptar ou partilhar um conjunto de crenças , práticas , rituais e posições sobre o Mundo que lhe são externas por definição , sinceramente parece-me um absurdo. Por isso falo disso aqui , porque me custa ver pessoas inteligentes , articuladas e empenhadas a dizer uma coisa dessas e a simplesmente ir-se embora quando lhe são pedidas mais explicações . Se algum leitor me quiser elucidar ou pelo menos tentar mostrar que de facto só se pode ser livre tendo uma religião , ficaria realmente agradecido e talvez aprendesse alguma coisa.

Anúncios

3 thoughts on “Liberdade e Religião

Responder

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s