Início » Uncategorized » 7 000 000 000 de Pessoas

7 000 000 000 de Pessoas

é muita gente e a partir de hoje o número arredondado da população da Terra. Parece que esta gente cabia toda , em pé e encostadinha , na ilha da Maui , que tem 1880km2 , ou seja , é mais ou menos 10 vezes a superfície da ilha das Flores. Em muitas cidades e aglomerados no mundo parece que há gente a mais , aqui há gente a menos. Esta ilha já comportou ( os registos e estimativas divergem ) 14 000 pessoas. Isto causa-me um espanto enorme porque sabendo a época em que isto se deu ( antes dos anos 50) e as privações e isolamento da ilha uma pessoa só se pode admirar e arrepiar com o modo como essas pessoas lutavam diariamente pela sobrevivência pura e viviam em condições terríveis. Mas viviam. Hoje são (somos!) cerca de 3500 e estamos na paz dos anjos , há espaço para todos e é mesmo seguro dizer que podiam vir para cá mais um ou dois milhares que fazia bem pelo menos à economia da ilha , mas eu pessoalmente não me queixo nem me alarmo coma tendência quer se verifica , que é da desertificação . Gosto de largueza à minha volta.

É natural que pessoas que vivem em grandes aglomerados ou que vêm muita televisão tendam a achar que há gente “a mais” e que só pode dar mau resultado , é a herança do Malthus , um daqueles pensadores que me causa uma pequena aversão , não propriamente pela sua teoria e principal análise , que à luz da época faz sentido , mas pelo facto de ser um homem que agitava e alertava contra os perigos do excesso de população enquanto teve meia dúzia de filhos : Há gente demais , isto é insustentável , vocês têm que ter menos filhos. É um bocado como o Rousseau , que era amigo dele e é outro que eu não gramo , que perorou sobre os deveres sociais dos homens e escreveu livros sobre a educação das crianças enquanto abandonava os seus 5 filhos num orfanato . Boa. Mas hoje o que interessa é este número , 7 biliões , e é muito interessante que calhe no Dia Mundial da Poupança , porque sem poupança numa escala vasta não será muito mais que o famoso 1% destes 7 biliões que pode aspirar a uma vida decente daqui a 50 anos.
O Malthus achava que por esta hora isto já era incomportável há muito , dada a finitude dos recursos e o crescimento geométrico da população. Os recursos principais não atingiram a infinitude mas o crescimento demográfico está a abrandar por todo o mundo , e eu tenho para mim que o que salva isto é a Tecnologia , o Malthus não fazia ideia que íamos poder extrair energia da luz solar e do vento nem que conseguíamos graças à química moderna ter uma agricultura uns 50% mais eficiente e produtiva que no tempo dele , só para referir uns exemplos.

Não sou optimista no sentido de achar que toda a população mundial vai atingir um nível de bem estar decente num mundo ecologicamente equilibrado , mas sou-o no sentido em que acho que os desafios que se colocam , hoje como no tempo do Malthus , estão bem ao alcance do Génio Humano.

Não há gente a mais , há é gente estúpida a mais.

3 thoughts on “7 000 000 000 de Pessoas

  1. Desta vez não partilho do teu entusiasmo.7 mil milhões de pessoas assim como vivem…é gente a mais. As pessoas vivem com base na exploração dos recursos como se eles fossem infinitos. Deslocam-se para as orlas costeiras criando aglomerados destrutivos. Em certas partes do planeta a falta de água é gritante ao ponto das mães limparem os olhos dos bébés com a própria saliva, enquanto no mundo ocidental lavam-se as ruas com água potavel. As terras que produzem 50/ mais estão a ficar áridas ou a produzir 50% mais combustiveis alternativos. porque o sistema capitalista é implacável até mesmo quando o tema é motrrer pessoas á fome em troca de combustivel. Sei lá….podia continuar durante horas e esse é o pior epilogo. Tambem acho que a solução está no espirito inventivo e na tecnologia o pior são os interesses económicos.Ainda agora ouvi, a Palestina foi aceite como membro do não sei o quê…os U.S. vão retirar o dinheiro da UNESCO como retaliação,é o lado pior da raça humana, o dinheiro, o poder.

    Gostar

  2. Rui , percebo-te bem e tenho consciência de que uma pessoa lúcida e bem informada tem muito mais razões para ser optimista do que pessimista . E não só háa gente estúpida a mais como gente má a mais e esta maldade não é subjectiva , e a maldade de quem pura e simplesmente não se interessa nada pelo seu semelhante. O meu entusiasmo e optimismo moderado deve-se principalmente ao facto de viver aqui, é egoísta , eu sei , mas se vou estar sempre a pensar nas tribulações dos Somalis e dos Palestinianos e no resto das pragas e maleitas do mundo , lista que como dizes podia durar horas , estou desgraçado …Um ecologista ou um político radical que leve as suas convicções mesmo a sério é uma pessoa que vive permanentemente agastada , frustrada e revoltada por mais justa que seja a causa.

    Gostar

Responder

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s